STF manda prender presidente do PTB, Roberto Jefferson
13/08/2021 10:15 em Brasil

Pedido, aceito por Alexandre de Moraes, foi feito pela Polícia Federal no inquérito sobre crimes digitais contra a democracia

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decretou a prisão preventiva do ex-deputado Roberto Jefferson e o cumprimento de busca e apreensão contra o presidente do PTB. O ex-parlamentar estaria no município de Levy Gasparian, no Rio de Janeiro.

Além de determinar a prisão do ex-deputado e presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), também determinou o bloqueio da conta no Twitter @BobJeffRoadKing, perfil alternativo que Jefferson tem usado.

Ele é acusado de participação em uma organização criminosa digital montada para promover ataques à democracia. O pedido de prisão partiu da Polícia Federal, que detectou a atuação de Roberto Jefferson em ataques aos ministros do Supremo.

Alexandre de Moraes também  determinou busca e apreensão de computadores e celulares para aprofundar as investigações. Pelas redes sociais, o próprio ex-parlamentar afirmou que as equipes policiais foram até a casa da sua ex-mulher.

De acordo com o despacho do magistrado, Jefferson faz parte de uma milícia digital especializada em atacar o Supremo, seus ministros e demais instituições. As diligências fazem parte de um novo inquérito aberto pelo ministro. No YouTube e nas redes sociais, o ex-deputado aparece empunhando armas e ameaçando os ministros, assim como pregando o fechamento do Supremo.

 

*Com informações do Metrópolis 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!